Post fixo

Por uma universidade-refúgio

O debate “Viver em liberdade: o artista em risco” foi realizado neste dia 1 de novembro, com a participação de Félix Kaputu, Lucia Castello Branco e Sylvie Debs, no âmbito da rede ICORN (Internacional Cities of Refuge Network), no SESC Palladium. Belo Horizonte integrou a rede em 2017, com o convênio UFMG – ICORN , obrigando-nos a expandir conceito de “cidade-refúgio” para o de “universidade-refúgio”, ao acolher o escritor Felix Kaputu, originário da Republica Democrática do Congo. A partir das ideias de Derrida, sobre a cidade-refúgio e sobre a “universidade sem condições”, propomos desenvolver uma de suas formulações, que nos serviu de guia … Continuar lendo Por uma universidade-refúgio

“Estou envolvida com a ICORN porque acredito que é uma boa maneira de ajudar os artistas perseguidos, em todo o mundo e promover a liberdade de expressão.”

Malgorzata Rozanska é gerente cultural, coordenadora de projetos, tradutora freelancer, e apoia o escritor convidado da ICORN, em Cracóvia (Polônia) CABRA: Por que você está envolvida com a ICORN? Estou envolvida com a ICORN, porque acredito que é uma boa maneira de ajudar os artistas perseguidos, em todo o mundo e promover a liberdade de expressão. CABRA: Que tipo de atividades você organiza com a ICORN? Em Cracóvia, os operadores do programa ICORN são a Associação Villa Decius, juntamente com o Escritório do Festival de Cracóvia. Por causa de sua situação geopolítica, Cracóvia funciona como um “Portão para o Oriente”, tanto … Continuar lendo “Estou envolvida com a ICORN porque acredito que é uma boa maneira de ajudar os artistas perseguidos, em todo o mundo e promover a liberdade de expressão.”

ICORN e CABRA marcaram forte presença no I Semana Sesc de Patrimônio no SESC Nacional de Rio de Janeiro.

Na foto na sede do SESC Nacional em Rio de Janeiro: Marcia Costa Rodriges, Flavia Tebaldi, Felix Kaputu e Sylvie Debs. O seminário interno para os diretores de cultura de todos os SESC brasileiro da terça-feira passada, dia 24, às 14 horas, teve como tema “Diásporas na formação da identidade cultural ontem e hoje: a herança da imigração e o refúgio contemporâneo“, com a partipação de Sylvie Debs (CABRA/ICORN) e de Felix Kaputu (ICORN/UFMG). A palestra suscitou muito interesse dos participantes e muitas perguntas sobre o trabalho realizado há 11 anos em todo o mundo para a defesa de artistas … Continuar lendo ICORN e CABRA marcaram forte presença no I Semana Sesc de Patrimônio no SESC Nacional de Rio de Janeiro.

01/11 – Debate “Viver em liberdade: o artista em risco”

No dia 1 de novembro o SESC Palladium recebe o evento “Viver em liberdade: o artista em risco”, que conta com a participação de Félix Kaputu, Lucia Castello Branco e Sylvie Debs. Belo Horizonte integra a rede ICORN desde 2017, com o convênio UFMG – ICORN (Internacional Cities of Refuge Network). Os convidados falarão da expansão do conceito de “cidade-refúgio” para o de “universidade-refúgio”, inaugurado ao acolher o escritor Felix Kaputu, originário da Republica Democrática do Congo, na UFMG. A partir das ideias de Derrida, sobre a cidade-refúgio e sobre a “universidade sem condições”, propomos desenvolver uma de suas formulações, que … Continuar lendo 01/11 – Debate “Viver em liberdade: o artista em risco”

CABRA/ICORN e PUC Rio

Na sexta-feira 20 de outubro, Clarisse Fukelman, produtora cultural e professora da Universidade PUC-Rio apresentou o projeto CABRA / ICORN ao IRI (Instituto de Relações Internacionais) da PUC. Sylvie Debs, Diretora da CABRA, foi recebida pela Diretora do IRI, Marta Fernandes e sua assistente, Carolina Moulin Aguiar. Uma vez que o IRI está na fase de reativação da cátedra Sérgio Vieira de Mello (1948-2003), a PUC-RJ se mostrou muito aberta e interessada numa cooperação com CABRA/ICORN. Sérgio Vieira de Mello foi um brilhante e carismático defensor da paz e dos direitos humanos, mas também um líder humanitário incansável e altamente … Continuar lendo CABRA/ICORN e PUC Rio

Suporte aos 11 blogueiros, escritores, editores e ativistas assassinados

Naila Zahin Ana é ativista social, blogueira e escritora do Bangladesh. O foco principal de seus escritos é o feminismo, os direitos LGBTQ +, a política, os direitos humanos. Foi membro ativo do protesto Shahbag, de 2013. Após o movimento, continuou seu ativismo e tem sido porta-voz dos problemas políticos e sociais de seu país. Por causa de seu trabalho, foi assediada e ameaçada, online e offline, por grupos extremistas religiosos. Após os assassinatos de muitos de seus pares, não teve escolha senão deixar seu país. Agora está vivendo em Reykjavik (Islândia), como escritora convidada da ICORN.   CABRA: Por que você … Continuar lendo Suporte aos 11 blogueiros, escritores, editores e ativistas assassinados

O programa Artist in Residence, com Johanna Lindstrom

Atualmente trabalho como Coordenadora do Programa de Residência Literária e Cidades de Refúgio em Västra Götaland, na Suécia. Começamos um novo programa, Artist in Residence, para escritores e tradutores, aberto a convidados internacionais. Dê uma olhada no nosso site: http://www.airlitteraturvastragotaland.se. Já trabalhei como professora, em diferentes museus, como produtora de exposições e escritora de manuscritos para exposições, além de coordenadora de festivais literários. Minha educação da Universidade de Gotemburgo combina literatura, história de ideias e ciência, história da arte e filosofia. Johanna Lindstrom, coordenadora do Programa de Residência Literária e Cidades-Refúgio em Västra Götaland, na Suécia.   CABRA: Por que você … Continuar lendo O programa Artist in Residence, com Johanna Lindstrom

“Eu aplaudo o Brasil por se juntar à ICORN!”

Kate Klein é escritora e editora com sede em Ithaca, Nova York. Ela é a atual presidente da Ithaca City of Asylum, um projeto de todos os voluntários do Centro de Ação Transformativa da Universidade de Cornell.   CABRA: Por que você está envolvida com a ICORN? Permaneço engajada com a Ithaca City Of Asylum (ICOA), porque acredito que a perspectiva que os escritores internacionais trazem para a nossa comunidade em Ithaca, Nova York, é valiosa, especialmente em uma época em que os americanos estão isolados do resto do mundo, ideologicamente. Também acredito fortemente na liberdade de expressão, e quero ajudar … Continuar lendo “Eu aplaudo o Brasil por se juntar à ICORN!”

Mesa-redonda “Viver em liberdade: a questão dos artistas em risco”

No dia 17 de outubro, das 10h15 às 12h15, o Congresso de Ensino, Pesquisa e Extensão na Universidade Federal da Bahia – UFBA recebe a mesa-redonda “Viver em liberdade: a questão dos artistas em risco”. Com: Prof. Dra Mirella Lima (UFBA), Prof. Dr. Felix Kaputu (UFMG), e Prof. Dra. Sylvie Debs (Universidade de Estrasburgo-Cabra). A organização do Congresso da UFBA informa que o evento conta com cerca de 60 mesas de debates. Dentre elas, sete anteciparão discussões para o Fórum Social Mundial 2018. Os temas abrangem a integração latino-americana, a democracia e comunicação, a nova onda de intolerâncias, a revolução dos gêneros, as culturas … Continuar lendo Mesa-redonda “Viver em liberdade: a questão dos artistas em risco”